5/5/2020

A nível global

CNH Industrial retoma operações de produção em maio

A CNH Industrial anunciou a retoma das suas operações de produção, de forma progressiva, a nível mundial, cumprindo todos os protocolos de saúde e de segurança no domínio da COVID-19. “Fulcral em todo este processo é a saúde e a segurança dos trabalhadores, bem como os acordos com os sindicatos, de modo a assegurar uma integral retoma das atividades”, esclarece a multinacional.

De acordo com a empresa, mais de dois terços das 67 fábricas do grupo já estão operacionais, embora a diferentes ritmos. Numa base regional, mais de 75% dos centros de produção na Europa e cerca de 60% na América do Norte, América do Sul e resto do mundo já estão a operar, sendo que neste último caso, caso se considerem as joint-ventures, essa proporção aproxima-se dos 90%.

A CNH Industrial recorda que foi dada prioridade ao fabrico de equipamentos agrícolas e de mecânicas, consideradas como indústrias essenciais pelos governos, respondendo às exigências dos mercados locais. A estes, seguiu-se o fabrico de veículos comerciais e de veículos especiais, dada a atual importância dos setores do transporte e da proteção civil, num processo que se conclui com a produção de equipamentos para as áreas da construção.

O objetivo da CNH Industrial passa por retomar a totalidade das suas operações, na maioria dos locais, até ao final deste mês. Contudo, esclarece que “poderão ser necessárias alterações caso as situações a nível local ou regional se venham a deteriorar ou para dar resposta a questões críticas específicas, como condições finais de mercado e cadeias de fornecimentos”.

Por: Pedro Venâncio
Fonte: