1/13/2020

“Estratégia 2030”

AML reúne peritos para debater mobilidade e conetividade

A AML – Área Metropolitana de Lisboa reuniu nas suas instalações vários peritos e especialistas para discutir o processo de construção da “Estratégia 2030”, no domínio específico da mobilidade e da conetividade sustentável. Segundo a AML, “durante cerca de três horas foram abordadas as prioridades estratégicas e as principais linhas de intervenção nas questões da mobilidade multimodal sustentável, articulação das escalas territoriais de mobilidade, rede transeuropeia de transportes, integração tecnológica e digitalização, e especificidades dos territórios de baixa densidade”.
A estratégia 2030 está a ser conduzida, em articulação, pela Área Metropolitana de Lisboa e pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo, e estabelece uma visão estratégica de desenvolvimento no sentido de posicionar a região metropolitana como grande motor de desenvolvimento do país.
O que se pretende com estes trabalhos é “desenvolver uma estratégia com eficácia, e uma eficiência redobrada, que capitalize o desenvolvimento da região metropolitana de Lisboa mediante uma boa aplicação de fundos comunitários“, referiu o primeiro-secretário metropolitano, Carlos Humberto de Carvalho.
Nesta reunião estiveram presentes João Figueira de Sousa, da Universidade Nova/FCSH, Miguel Castro Neto, da Universidade Nova/IMS, Nuno Marques da Costa, do IGOT/Universidade de Lisboa, e Filipe Moura, do Instituto Superior Técnico.
A AML realça ainda que a redação final da Estratégia 2030, e a respetiva aprovação, deverão estar efetivadas no final de março deste ano.

Por: Pedro Pereira
Fonte: