6/5/2019

Minimizar espaços “mortos”

MEDWAY adquire 54 caixas móveis para operar no mercado ibérico

A MEDWAY adquiriu 54 caixas móveis – unidade de transporte intermodal e um dos mais utilizados meios de transporte de mercadorias – para complementar a sua oferta. A caixa móvel é geralmente utilizada em transportes terrestres multimodais, que envolvam rodovia e ferrovia, permitindo a transferência da mercadoria de um modo de transporte para outro.

As caixas móveis são adequadas aos expedidores de forma a poderem combinar diferentes modos de transporte, garantindo-se soluções logísticas mais eficientes e sustentáveis.

O design destas caixas móveis permite menores custos energéticos, promovendo-se, deste modo, uma redução no impacto ambiental. A caixa móvel foi optimizada de forma a minimizar o peso/espaço “morto”, reduzindo, por conseguinte, o custo do combustível. Como resultado final obtém-se um modo de transporte de mercadorias energeticamente mais atrativo. 

De acordo com Carlos Vasconcelos, presidente do Conselho de Administração da MEDWAY, “estas caixas móveis possibilitam o carregamento directo na origem, leia-se o cliente, sendo que a sua primeira vantagem sobre os contentores é permitir o carregamento pelo lado lateral e pelo topo. Desta forma os clientes reconhecem nas caixas móveis uma solução pratica e eficaz para o transporte intermodal de mercadorias”.

“A função primária de transporte destas caixas é o transporte combinado que possibilita carregamentos até 29 toneladas. Com uma caixa móvel é possível reduzir os passos dados entre carga e descarga, custos e tempo administrativo. Outro ponto a referir é a segurança que oferecem aos carregadores e aos bens transportados, já que são mais seguras do que outras modalidades de transporte. Ao adquirir estas caixas, podemos oferecer este serviço de forma regular e acrescentar valor a toda a nossa cadeia logística”, conclui.

Estas caixas já se encontram em Portugal e estarão brevemente aptas para circular tanto em Portugal como em Espanha, estando já previstos para 18 de junho os ensaios para uma operação ibérica.

Por: Sara Pelicano
Fonte: