3/12/2019

Nova solução de micro-mobilidade

Flash chega a Lisboa e quer premiar o estacionamento correto

As trotinetes elétricas da Flash já estão a circular pelas ruas de Lisboa. São mais de 200 veículos colocados nos pontos de estacionamento destinados às diferentes trotinetes que circulam na cidade. O recurso a estes pontos de paragem pretende-se que seja um hábito entre os utilizadores destes veículos destinados à micro-mobilidade. A Flash chega a Lisboa com vontade de incentivar esse hábito e, por isso, tem um desconto de 50% sobre a tarifa de desbloqueio, com um custo de um euro, se estacionar a trotinete num dos pontos assinalados para o efeito, assinalados pela Câmara Municipal de Lisboa. 



Para facilitar esta tarefa, a app da Flash dá indicação sobre a localização destes miniparques de estacionamento. As viagens têm um custo igual ao de outros serviços já disponíveis, nomeadamente 0,15 cêntimos por minuto. “Vamos também fazer uma campanha para sensibilizar as pessoas para estacionar corretamente”, disse Felix Petersen, diretor-geral para Portugal da Flash. 

Segundo a Flash, as suas trotinetes elétricas são mais estáveis e “preparadas para as ruas portuguesas”. As trotinetes da Flash têm suspensões reforçadas, travões duplos, leds de sinalização, uma entrada USB e suporte para o telemóvel. Quanto à logística, a Flash vai ter equipas próprias que assegurarão, diariamente, o carregamento das baterias, a verificação da segurança das trotinetes, colocando-as novamente nas zonas destinadas ao estacionamento.

Felix Petersen afirmou na cerimónia de lançamento da Flash em Lisboa, dia 12 de março, que “é para nós um orgulho poder começar a operar em Lisboa com as condições que considerámos essenciais ara um upgrade do mercado. Estou certo de que os aspetos diferenciadores da Flash e que as qualidades dos nossos modelos vão tornar o mercado mais exigente e mais dinâmico”. O mesmo responsável acrescentou ainda que “a Flash apresenta mais segurança e conforto aos seus utilizadores, promovendo, em simultâneo a necessária harmonia entre as cidades e os que delas usufruem”.

Presente no evento esteve também João Vasconcelos, presidente do Comité Consultivo da empresa, comentou que “a micro-mobilidade é uma solução inteligente para o transporte em pequenas distâncias. Retira o automóvel da equação nessas situações e permite o descongestionamento do trânsito e a diminuição da poluição ambiental nas cidades. A mico-mobilidade não é uma moda passageira, mas uma condição necessária para termos cidades mais inteligentes pelo que há que investir corretamente no seu desenvolvimento”.


Felix Petersen, Paula Teles e João Vasconcelos

Paula Teles, CEO da MPT-Mobilidade e Planeamento do Território, comentou que “é urgente desenhar as cidades para os modos suaves” e que “vamos cada vez mais querer ter a mobilidade enquanto serviço”.

A app está disponível para download na App Store e Google Play.

Por: Sara Pelicano
Fonte: