segunda-feira, 13 de Julho de 2020

 
RL 468x60
Passageiros & Mobilidade
06-03-2020
Processo foi concluído
Fusão da EMEF com a CP poupa 1,2 milhões de euros por ano
Terminou o processo de reestruturação que levou à fusão, por incorporação, da EMEF com a CP. De acordo com a empresa de transporte ferroviário, esta medida “tem como objetivo eliminar redundâncias e condicionalismos decorrentes da anterior tipologia de gestão, de modo a otimizar os recursos e melhorar a articulação entre ambas as partes, numa operação que resulta numa redução de custos da ordem dos 1,2 milhões de euros por ano, de acordo com as conclusões dos estudos efetuados”.
Na sequência do processo de fusão, a CP procedeu a uma alteração orgânica que originou cisões e fusões de áreas funcionais, e que levou a empresa a reduzir em 46% o número de diretores. Os 69 diretores existentes na soma das duas estruturas anteriores (CP e EMEF) passam para 37 na nova configuração orgânica. Em média, passa a existir 1 diretor por cada 100 trabalhadores.
A CP refere, em comunicado, que “a reestruturação agora terminada atribuiu cargos de responsabilidade que visam gerir uma empresa com quase quatro mil pessoas, dispersas geograficamente, com responsabilidades e subespecialidades distintas”, e que “além de aumentar a eficiência, permite eliminar redundâncias e libertar quadros técnicos para a execução de outras tarefas, reduzindo as necessidades de pessoal no grupo CP”.
por: Pedro Pereira
971 pessoas leram este artigo
273 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 












RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA