terça-feira, 15 de Outubro de 2019

 
RL 468x60
Carga & Mercadorias
22-08-2019
Transporte de mercadorias
IP concessiona terminal ferroviário de Tadim à Agremor
A Agremor – Materiais de Construções e Serviços irá explorar, durante os próximos cinco anos, o terminal ferroviário de Tadim, localizado no ramal de Braga. O contrato de concessão entre a Agremor e a IP foi agora assinado e prevê a extensão do prazo de concessão por mais dois anos (5+2), caso se verifique “o bom desempenho da concessionária”. De acordo com a IP, “esta concessão insere-se na estratégia da IP de valorização dos terminais intermodais de mercadorias e de promoção do transporte ferroviário na rede”. O terminal de mercadorias de Tadim, com uma área de cerca de 6 hectares, está localizado no ramal de Braga, entre as estações ferroviárias de passageiros de Tadim e Aveleda. Dispõe de três linhas com cerca de 500 metros para carga e descarga de mercadorias, bem como de um armazém coberto com aproximadamente 1000m2.
“Esta infraestrutura está vocacionada para um conjunto alargado de atividades no âmbito da transferência modal de mercadorias, tendo estado, nos últimos anos, ligada ao setor do transporte de madeira e inertes. O presente contrato de concessão integra um conjunto de mecanismos de estímulos e incentivos de desempenho. Nomeadamente, estabelece um valor igual ou superior a 312 como número mínimo anual de comboios a realizar na rede em consequência da atividade que a concessionária implementar no terminal”, refere a IP em comunicado. O contrato prevê ainda benefícios a favor da concessionária sempre que esta promova, por via da sua atividade, circulações ferroviárias acima de 104 comboios por trimestre. Para a IP, “estes benefícios por bom desempenho poderão refletir-se, por exemplo, numa dilatação do prazo da concessão. No contrato de concessão é dada também particular atenção às disposições legais que têm vindo a ser introduzidas no domínio do acesso a este tipo de infraestrutura, nomeadamente no que concerne às condições equitativas de utilização do terminal sem qualquer tipo de discriminação entre diferentes operadores ferroviários. A celebração deste contrato de concessão abre expetativas positivas, considerando-se que a atividade a desenvolver no Terminal de Tadim pode contribuir para a valorização do setor da logística e, particularmente, do transporte ferroviário de mercadorias”.


por: Pedro Pereira
832 pessoas leram este artigo
151 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 












RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA