quinta-feira, 21 de Março de 2019

 
STCP
Passageiros & Mobilidade
07-01-2019
Afirma a FECTRANS
22 comboios são “insuficientes para responder aos problemas atuais e futuros” da CP
A Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (FECTRANS) considera “insuficientes” as 22 novas composições para a CP – Comboios de Portugal para “responder aos problemas atuais e futuros” da empresa ferroviária.

Em comunicado, a FECTRANS reforça que a aquisição de novos comboios para os serviços regionais da CP “não responde aos problemas de imediato, nomeadamente a recuperação de material circulante imobilizado, para que é necessário um plano de intervenção, dotando a EMEF de toda a capacidade de intervenção com os meios financeiros, de equipamentos e materiais, assim como de trabalhadores”.

No dia em que é lançado o concurso público internacional para a compra do novo material circulante, em Marco de Canaveses, a federação sindical manifesta o interesse em não ver o concurso anulado após as próximas eleições legislativas, ao mesmo tempo que lamenta a aquisição de comboios para o “serviço regional, impedindo a necessária aquisição de comboios para os serviços urbanos e para o longo curso, áreas da CP onde o material mais novo já está perto da ‘meia vida’ operacional”.

No parecer da FECTRANS, esta opção deve-se ao facto do “Governo estar a limitar a capacidade de resposta desta empresa nos segmentos mais lucrativos, para os entregar à exploração privada, no âmbito da liberalização do transporte ferroviário”.
por: Pedro Venâncio
944 pessoas leram este artigo
115 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 





Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA