sábado, 15 de Dezembro de 2018

 
STCP
Passageiros & Mobilidade
19-11-2018
Redução tarifária
Torres Vedras propõe tarifas baseadas em distância a Lisboa
A Câmara Municipal de Torres Vedras recomendou ao Governo que, a propósito da redução dos tarifários dos transportes públicos prevista no Orçamento do Estado 2019, utilizasse uma fórmula de cálculo baseada na distância à cidade de Lisboa. Em comunicado, o município adianta que pretende “garantir equidade de tratamento entre cidadãos que se deslocam diariamente para Lisboa nos seus movimentos pendulares entre o local de residência e o local de trabalho ou estudo – nomeadamente entre a NUT III do Oeste e a Área Metropolitana de Lisboa – uma vez que os problemas de mobilidade são os mesmos ou mais agravados devido a uma oferta mais reduzida e menos diversificada, nomeadamente no que diz respeito à Linha do Oeste”.

Assim, a autarquia recomendou que a fórmula de cálculo para a distribuição do apoio tenha em consideração critérios como a distância dos municípios a Lisboa, numa área de influência com um raio determinado, bem como os movimentos pendulares em transporte público individual. “Estes critérios permitirão que um cidadão residente em Torres Vedras – que se encontra a 45,4 quilómetros do Campo Grande – tenha a mesma redução no tarifário que um cidadão residente em Setúbal – que se encontra a 52 quilómetros do Campo Grande”, adianta o comunicado.

Entre Torres Vedras e Lisboa circulam diariamente 1.800 pessoas em transporte público, 3.400 em viaturas individuais e 1.845 deslocações para outras localidades da Área Metropolitana de Lisboa.

A Câmara Municipal de Torres Vedras propõe ainda a criação de grupos de trabalho entre a Comunidade Intermunicipal do Oeste e a Área Metropolitana de Lisboa, cujos resultados sejam refletidos nos despachos a elaborar pelos membros do Governo das referidas áreas. Recorde-se que os membros do Governo, responsáveis pelas áreas das finanças e do ambiente têm até 31 de janeiro de 2019 para determinar por despacho a forma de distribuição do financiamento pelas áreas metropolitanas e pelas comunidades intermunicipais.
por: Sara Pelicano
432 pessoas leram este artigo
61 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 





Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA