terça-feira, 21 de Agosto de 2018

 
RL 468x60
Carga & Mercadorias
19-04-2018
GNL
Ministra do Mar defendeu introdução de GNL nos portos nacionais
A ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, defendeu a introdução de gás natural liquefeito (GNL) nos portos nacionais com o objetivo de “melhorar o desempenho ambiental e criar mais empregos”.

"Continuarei a executar esforços apoiando a execução de missões empresariais. Como pode ser verificado, a estratégia nacional para o mar 2013-2020 está a ser concretizada. Desta forma estaremos a construir um futuro económico resiliente e sustentável, com empregos mais atrativos para os portugueses", disse durante o debate político “A Economia do Mar e o Setor Marítimo-Portuário”.

A responsável disse ainda que "o Fundo Azul já tem 205 candidaturas e estão aprovadas mais de uma dezena. Cerca de 500 mil euros serão pagos ao longo deste mês. Estão a decorrer processos de consulta pública para [os pagamentos] poderem ser efetivados", acrescentou.

Ana Paula Vitorino comentou ainda que o Governo avançou com planos a dez anos no valor de 2,5 mil milhões de euros para aumentar a competitividade logística do mar, sendo 83% deste montante de origem privada. Uma iniciativa que visa "o aumento da capacidade eficiente da cadeia logística, da qual se espera um aumento de 200% na carga", concluiu.

885 pessoas leram este artigo
125 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 



Spinerg


  





Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Canal Transportes Online

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA