domingo, 25 de Fevereiro de 2018

 
e_bike
Carga & Mercadorias
07-02-2018
Carga contentorizada
Portos do continente movimentaram 96 milhões de toneladas
Os portos do continente movimentaram em 2017 cerca de 96 milhões de toneladas de carga, alcançando o valor mais elevado de sempre. 2017 fica ainda marcado como o ano em que Leixões e Aveiro ultrapassaram os seus máximos anteriores, ao passo que Lisboa atingiu o valor mais elevado dos últimos seis anos. Sines mantém-se líder no sistema portuário nacional, com 52% do total de carga movimentada.

Segundo a AMT – Autoridade da Mobilidade e dos Transportes, o volume de carga movimentada, no ano transato, nos portos comerciais do continente, atingiu os 95,9 milhões de toneladas, o valor mais elevado de sempre, mais 2,2% face a 2016. Os portos de Leixões e Aveiro ultrapassaram os seus máximos anteriores, com acréscimos de 3,8% e 10,7%, respetivamente. O Porto de Lisboa obteve um crescimento de 19,2% face ao ano anterior, elevando para 12,2 milhões de toneladas o seu volume de carga movimentada.

Relativamente ao mercado de contentores, 2017 foi igualmente o melhor ano de sempre no setor. O volume de carga alcançou os três milhões de TEU’s, mais 8,4% do que em 2016. Este crescimento verificou-se sobretudo nos portos de Sines e Lisboa. Sines assinala, inclusive, a melhor marca de sempre com 1,7 milhões de TEU’s. De referir que o crescimento do movimento de contentores observado nos portos do continente é influenciado pelo tráfego de transhipment realizado no Porto de Sines, que em 2017 representou 44,5% do volume global de TEU’s movimentado.
por: Pedro Venâncio
466 pessoas leram este artigo
63 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  



Spinerg


  




Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Canal Transportes Online

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA