sexta-feira, 22 de Junho de 2018

 
RL 468x60
Passageiros & Mobilidade
18-01-2018
Lei do transporte em carro descaracterizado
Táxis ameaçam com providência cautelar 
A ANTRAL – Associação Nacional de Transportadores Rodoviários em Automóveis Ligeiros afirma que “a luta dos táxis não vai acabar se sair uma lei incoerente", referindo-se à lei que deverá regulamentar as plataformas eletrónicas de transporte individual de passageiros em carro descacterizado, como a Uber, Cabify e Taxify.  

À revista Sábado, o presidente da ANTRAL, Florêncio de Almeida, adianta que está pronto para avançar com uma nova providência cautelar contra as empresas que prestam aquele serviço, caso seja aprovada e promulgada a lei para as regulamentar. "Estamos preparados para o efeito Colocaremos logo uma providência cautelar. Mas antes, podem contar com fortes mobilizações nossas", diz Florêncio de Almeida.

Apesar de admitir uma providência cautelar, o presidente da ANTRAL diz que "quando a lei sair, se sair, logo se verá". Entretanto, a associação dos táxis reúne esta quinta-feira, dia 18, com o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita.

Recorde-se que os projetos de lei apresentados por diversos partidos com assento parlamentar têm estado em análise na Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas. No final de fevereiro poderá estar definida uma lei que será depois debatida em Assembleia da República. 
por: Sara Pelicano
Tags: Cabify   Legislação   táxi   Transporte   Uber  
874 pessoas leram este artigo
160 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  





Spinerg


  





Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Canal Transportes Online

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA